Clube Foto Amigos de Santos

História
 

Conta a história que, por volta de 1878, em São Vicente, o sr. José Ignácio da Glória - homem de ideias progressistas - pretendeu fundar uma associação para o estudo e prática da fotografia, para a qual, segundo consta, havia escolhido o nome Clube Daguerre. Parece-nos que a iniciativa permaneceu no projeto, pois não ficou "fixada" nenhuma "revelação" dessa entidade.

Não sabemos a razão, mas Marques Pereira (1880/1943) era considerado fotógrafo amador, talvez que, no princípio do século (N.E.: século XX), o adjetivo "amador" qualificava o indivíduo que praticava com amor qualquer arte. Na edição da Revista da Semana (1902) especialmente dedicada a Santos, aparece num clichê o prédio do C. I. Regatas "e ao lado a sede do foto-clube" - do qual não conseguimos qualquer outra informação.

Em 1947, a 1º de outubro, na Rua General Câmara nº 79, sobrado, reuniram-se os srs. Álvaro Lopes, Álvaro Guimarães Júnior, Alcindo Lopes de Azevedo, Aloísio Riccieri, Aquibaldo Serra Filho, Boris Kauffmann, Castor Fernandes, Ezio Moretti, Francisco de Domenico, Jeferson de Mesquita, Luiz Proost Melchert, Manuel Lopes, Mário Cardoso, Nilo Pisani, Olegário Ribeiro e René Ferreira, "todos brasileiros, amadores, praticantes amadores da fotografia e cinematografia" e fundaram o Foto Clube de Santos, que teve atuação destacada até 1951, quando seus membros, simplesmente, deixaram de se reunir e assim desapareceu o Foto Clube de Santos.

No dia 31 de outubro de 1952, no estúdio do fotógrafo Ferrucio Battistoni, grupo formado pelos senhores Dalmo Teixeira Filho, A. Vasques, Ferrucio Battistoni, Antônio Nascimento, Odair Rudge, Antonio Rudge, Victor Lovechio, Hélio Verdinassi, Walter Henriques, Nelson Rosas, Pedro Bandeira Júnior, Olavo Machado, Henrique Zanotto e outros amantes da arte fotográfica e cinematográfica, fundou o Santos Cine Foto Clube, o qual organizou o primeiro salão nacional (1953) e o internacional (1954/1963).

Até 1966 o SCFC foi considerado a entidade mais ativa do Estado de São Paulo, quando, por questões administrativas e internas, deixou de funcionar. Seus antigos associados preferiram desprezar o patrimônio e a tradição do SCFC para fundar outro, em 7 de março de 1969, com o nome de Clube Foto Amigos de Santos, cujos fundadores foram: Dalmo Teixeira Filho, Mair Pereira Leite, Ferrucio Battistoni, Abdon Gomes de Castro, Pedro Paulo Costa Martins, Aristides Alves Dias Filho, Sue Vitor de Morais, Elizabeth Pacheco Bruno, Ana Maria Vivian, Lino Freschet, Antonio Carlos da Silva Serra, Michael David Petty, Nelson dos Santos, Arno Bassani, Djalma Banks Loureiro, Pedro de Carvalho Júnior, Hideo Tonchiya, Sylvio Basile, Massao Chida, Celso Alvarez Ozores, Antonio Carlos Sales, Armando Assumpção Borges, Orlando L. de Castro, Elysiário Távora dos Santos, Newton Soares Cerqueira, Antonio Costa Manaia, Rubens Onofre, Cid Banks Loureiro, Corina Chida, Boris Kauffmann, Amaro Francisco Tavares, Raimundo Maia Saraff de Resende, Antonio A. Capella, Nelson Guedes e Álvaro Lopes.

O Clube Foto Amigos de Santos, em seus três primeiros anos de existência, já participou de dezenas de salões nacionais e internacionais de Arte Fotográfica, sempre com real destaque. Tem organizado concursos internos mensais, exclusivamente para seus associados, certames fotográficos diversos, abertos aos foto-amadores em geral, e realiza periodicamente cursos básicos de Fotografia.

Alguns dos integrantes de seu quadro associativo têm logrado sucesso em concursos de âmbito nacional e internacional, nos moldes dos realizados pela revista Realidade e no Cores e Sorrisos.

O CFAS funciona regularmente durante toda a semana, de segunda a sexta-feira, em sua sede social, à Rua Carlos Gomes, 278A, Marapé em Santos.

Grande é a frequência aos cursos básicos de Fotografia, Tratamento de Imagens e também Iluminação em Estúdio, nos quais buscam o necessário e indispensável aprendizado e os já iniciados praticam um melhor aprimoramento de seus conhecimentos técnico-artísticos.

Hoje somos considerados um dos clubes foto-amadores mais ativos no país, bem como de Utilidade Pública em âmbito Municipal – Lei nº 4483-82 e Estadual – Lei nº 5692-87.

 

Somos também, registrado junto ao Ministério da Cultura e filiado à Confederação Brasileira de Fotografia. 

 

Promovemos periodicamente exposições de arte fotográfica, além de realizarmos cursos, palestras, concursos, maratonas e passeios fotográficos dedicados ao quadro associativo, familiares e convidados.

 

Em nossa sede social possuímos galeria de arte, biblioteca especializada, museu fotográfico e amplo estúdio à disposição dos associados e demais interessados.